Páginas

domingo, outubro 14, 2012

Palato


No céu da boca sem estrelas, sinto o sabor sem gosto, e o desgosto de sorrir.
Em amarga alegria que azeda o medo, que engasga a distância, que faz mal, e retira a esperança.
Cálida língua embarga a solidão, soluça o som rouco da garganta, que emite em nós.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Licença Creative Commons
This work by Sara Müssnich is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.