Páginas

quarta-feira, dezembro 21, 2011

Ao alvorecer.

Da lágrima do ontem,
Tenho ainda a sensação de dissabor.
O sorriso do hoje soa-me vagamente falso...
...Em contrapartida, mostra-se resistente.

Com cálices de lucidez,
Pranteio minha alegria,
E com tenras hóstias,
Alimento-me da encenação.

As cicatrizes e vidros quebrados permanecem,
Porém, é mais contente a vinda do porvir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Licença Creative Commons
This work by Sara Müssnich is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.