Páginas

sexta-feira, outubro 21, 2011

Coléra

Ludibriada em minhas concepções,
Levada pelas emoções.
O furor que me extasia
É o mesmo que me arruina.

Em pesar jacente,
Envenenando-me a mente.
Erroneamente permaneço observando,
A alma enodoada definhando.


2 comentários:

  1. Uhul Sarita! Sou sua fã... garota tu escreve poemas muito lindios Flô!!! Eta inspiração... bjo!!1

    ResponderExcluir
  2. Obrigada flor, seja bem vinda sempre! Bjos

    ResponderExcluir

Licença Creative Commons
This work by Sara Müssnich is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.