Páginas

domingo, maio 20, 2012

Dissímil

Quem vê?
Atrevessando as sombras desbotadas...

Quem vê?
O vulto de minha idéia entre as árvores...

Quem vê?
O vácuo em que a distância pra mim é morada...

Quem vê?
Rasgar minhas vestes e renascer em pó...

Quem vê?
O último fôlego que possuo...

Escrevo isto na areia...
Onda egoísta, leve isto para si.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Licença Creative Commons
This work by Sara Müssnich is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.